FacebookInstagramGoogle+YouTube

Nutrição Esportiva, Exercício e Performance em Crianças e Adolescentes - (03 de Fevereiro de 2015)


Nessa semana entramos em uma discussão sobre a tal da "blogueira de 9 anos", matéria sobre a criança no link abaixo. 

http://g1.globo.com/goias/noticia/2015/02/mae-diz-que-apoia-rotina-da-blogueira-fitness-de-9-anos-tenho-orgulho-dela.html

O que quero chamar a atenção são benefícios, malefícios, prós e contras em exercitar-se nessa faixa etária. Vamos a alguns pontos importantes:

1. exercício leve a moderado estimula o crescimento e deve ser estimulado (Lima F, et al., 2001)
2. atividade extenuante, PRINCIPALMENTE ASSOCIADA À RESTRIÇÃO DIETÉTICA afeta o crescimento (Silva CC, et al., 2002)
3. prática esportiva competitiva e intensa gera maior gasto energético e estimula liberação de citocinas pró inflamatórias os quais podem inibir o eixo GH/IGF-1 (Nemet D, et, al., 2002)
4. não é o basquete que "faz crescer" tampouco a ginástica "inibe o crescimento", o que realmente prejudica é a RESTRIÇÃO ALIMENTAR em esportes aonde as categorias são dependentes do peso e/ou quanto  mais leve o atleta melhor será a performance (Silva CC, et al., 2002)

Essas informações nos mostram que, além da intensidade do treino, o divisor de águas é a ALIMENTAÇÃO!!

Procure um nutricionista do esporte e monte seu projeto nutricional individualizado respeitando suas características fisiológicas!!

Abraços e sucesso sempre!! 

Deixe seu comentário


© 2014 Longhi Nutrição Esportiva - Todos os direitos reservados.

DMWEB